Interface Computador-Cérebro: avanços da medicina

As interfaces computador-cérebro (Brain-Computer Interfaces – BCI) utilizam sistemas de inteligência artificial para recuperar funções corporais perdidas. Pessoas que perderam a capacidade de falar por uma doença muscular podem se comunicar como fazia o físico inglês Stephen Hawking.

Uma nova interface em desenvolvimento na Universidade da Califórnia em São Francisco é capaz de traduzir as descargas elétricas cerebrais em movimentos da fala. Essa inovação poderá permitir uma velocidade maior na fala artificial. A fala de Stephen Hawking era de até 10 palavras por minuto. A fala humana normal pode chegar a 150 palavras por minuto. Se essa tecnologia já estivesse disponível há alguns anos, provavelmente o cientista britânico teria contribuído ainda mais para a astrofísica.

Veja a matéria publicada na TV Bandeirantes abaixo:


 

Digiprove sealCopyright secured by Digiprove © 2019 Roger Soares
Sending
User Review
0 (0 votes)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *